Claudinei Claret Polatto

Lutar sempre, perder as vezes, desistir JAMAIS!!!

Três gerações! E o que o futuro nos reserva?

27 de ago de 2015

 

Ontem uma pessoa me fez uma afirmação que achei muito interessante: Olhando seu currículo e lendo 35 anos de experiência, eu estava imaginando encontrar uma pessoa de 70 anos!!!

 

Fiquei elucubrando e me interessei sobre o assunto. Longe de mim fechar questão sobre todos os pontos que possam rondar tal situação, pois ela seria passível de uma tese de Doutorado o que nem de longe é meu objetivo.

Mas dentro da minha própria família existe uma situação que analisando encontramos em muitas famílias por este nosso Brasil.

Quando eu tinha a idade de meu filho, eu já possuía 14 anos de experiência em diversas áreas de diversos segmentos de mercado, isso sem contar os anos com engraxate, e fazendo pipas para revenda, só o que pode ser comprovado.

Fazendo uma analogia: Meu Pai que neste ano completa seus 77 anos de vida, se tivesse começado a trabalhar com os mesmos 14 anos que eu. Hoje ele teria 63 anos de experiência. Eu brinco com ele que ele não é mais um construtor, ele já é um ARTESÃO da construção, fora falar que ele já faz as coisas em seu subconsciente, e não mais em seu consciente...

No Brasil a expectativa de vida e de aproximadamente 75 anos, e eu com meus 54 anos completos e experiência de 40 anos de trabalho, tenho que ler artigos dizendo que para pessoas acima de 50 anos é difícil arrumar emprego. Pode até ser verdade, mas se um empresário acredita piamente nesta condição, além de em minha opinião ele estar sendo um tapado... Ele está se colocando no mesmo barco.... Por que se ele tiver mais do que 50 anos, ele deveria se aposentar, pois já se tornou um incapaz.

Pratico esportes: ando de bike, prático corrida de rua, escalada, rapel, trilhas, jogo jogos on-line.... E assim sucessivamente, e mesmo assim com todo o meu Know-how e Expertise que tenho em minha área de atuação, falam em incapacidade...

Já passou da hora de uma mudança de postura e de rever esses valores ultrapassados.

Ai! fica a minha maior pergunta: Como ficará nossos filhos que hoje são considerados pela OMS e pela ONU como Jovens adolescentes/adultos até seus 24 anos, e que ainda não saíram debaixo das asas de seus pais. E o pior é que sabemos que está idade está aumentando exponencialmente.

Muito jovem hoje entre seus 20 a 30 anos não tem o mínimo de experiência, vejam bem... não que não possam ficar ricos do dia para a noite com a criação de um app, um software ou um hardware milagroso que cai nas graças de uma fatia do mercado.

Mas, mesmo assim necessitariam de um guru dando suporte para administrar seus bens. Aquele mesmo incapaz que lá em cima não tinha mais idade para fazer nada...

Posso me estender a noite inteira sobre o assunto, mas o que quero deixar claro é que a conta vai ficar muito salgada daqui a alguns anos para uma determinada faixa da população.

Se o erro é deles... ou é nosso, neste momento não compete a mim julgar!

Mas uma coisa fica clara em minha cabeça, daqui a alguns anos, realmente quando se falar de uma pessoa com 40 anos de experiência, ela não terá menos dos seus 70 anos de idade. E a cada ano que passa esse número aumenta exponencialmente.

Fico triste em saber que o número de anos de experiência que meu Pai tem, será a idade de uma pessoa com os meus anos de experiência...

Mas até lá quem sabe a expectativa de vida da população mundial aumente para uns 150 anos...